Por favor, pare de se intimidar para descansar

Para alcançar qualquer sonho ou objetivo, você tem que trabalhar.

Você quer acertar esse teste? Você estuda. Você quer entrar na universidade dos seus sonhos? Você dá a eles o melhor aplicativo que você pode. Você quer conseguir aquele emprego dos sonhos? Você aplica as horas, faz o melhor currículo e vai para a entrevista com a cabeça erguida. Mas você sabe o que não faz?

Em qualquer um desses cenários, quando você está trabalhando em direção a qualquer objetivo de vida, grande ou pequeno, você não se exaure. Você não se esgota de toda a sua energia, não se esgota de nenhuma vida, porque não sentirá nada quando alcançar seu objetivo. Você não será capaz de dançar, gritar ou chorar de alegria – você só vai querer dormir. E todas as horas que você dedicou valeriam a pena? Não. Porque aqui está a verdade que todos parecem ignorar.

Existem dias produtivos e, em seguida, existem descanso dias. Você não pode trabalhar 24 horas direto, sete dias por semana. Você precisa descansar. E você precisa parar de se intimidar por pegar o resto. Você precisa parar de tratar o descanso como um sinal de fraqueza e parar de se sentir culpado por fazer o resto. E não se atreva a comparar a quantidade de descanso que você precisa com a de outra pessoa em sua vida, porque o que você está passando é diferente para ela e o descanso de todos parece diferente. O objetivo do descanso é cuidar de si mesmo, então pare de se preocupar com a aparência dos outros ou com o que os outros estão fazendo e fique com o resto.

Porque os dias de descanso são ainda mais importantes do que os dias produtivos. Porque sem os dias de descanso, você não teria dias produtivos.

Você não conseguiria a promoção ou o novo estágio sem o resto. Você não seria aprovado em seus exames ou se qualificaria para a pós-graduação sem o resto. Pare de romantizar trabalhar até a morte, porque não é fofo ou bonito, é errado. Não é romance, é terror. Então está na hora. Faça o resto.

Faça uma prece, entoe um mantra, borrife um pouco de névoa de lavanda, feche os olhos e tire o resto.

@via

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *